Os vinhedos de Barolo e Barbaresco são agraciados com o título de Patrimônio Mundial da UNESCO

Vinhedo da família Vietti

O Comitê de Patrimônio Mundial das Nações Unidas, reunidos em Doha esta semana, adicionou a paisagem das vinhas do Piemonte (Langhe-Roero e Monferrato) ao seu grupo de elite de paisagens naturais e culturais. A lista inclui Barolo,  La Morra, Monforte d’Alba, Novello e Serralunga d’Alba, bem como Barbaresco e Neive.

Aa vinhas do Piemonte se juntam as vinhas de Bordeaux – Saint Emilion agraciada pela UNESCO anteriormente.

Vale ressaltar e incentivar a todos os produtores da região, a responsabilidade em adaptar as práticas vitícolas mais benéficas ao ambiente com o objetivo de preservar esta belíssima paisagem.

Pietro Ratti, presidente  local do Consórcio Barolo e Barbaresco, disse que o reconhecimento é adequado aos produtores de vinho que têm preservado a paisagem e suas tradições.

Pelo que se sabe, os próximos da lista serão Champagne e Bourgogne, uma decisão esperada para 2015.

Saúde!
Marcelo Andrade

 

 

Foto: Divulgação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s